Aracaju-Sergipe - Brasil

segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Cidadão simãodiense esclarece desaparecimento

O senhor Nivaldo Ribeiro de Souza agradece a todos pela preocupação mas diferente do que foi relatado na matéria "Família procura por homem desaparecido há uma semana" o mesmo não estava desaparecido. Segundo Nivaldo, ele estava na cidade de Pirambu, resolvendo assuntos particulares e hospedado na residência de um amigo.
RECLAMAÇÃO
"Não gostei do comentário que minha família fez sobre meu desaparecimento de Simão Dias/SE. Após a perda do pai, Nivaldo Ribeiro de Souza desapareceu da cidade de Simão Dias/SE. Peço que não venham a fazer comentários errados, sem entender da psicologia, sou capaz e ninguém tem o direito de me julgar a não ser eu mesmo. Agradeço à todas as redes de comunicação que divulgaram o meu desaparecimento de Simão Dias."
"Agradeço de coração a todos que se preocuparam com a minha pessoa e os meios de imprensa que publicaram a nota", finalizou.

sábado, 8 de março de 2014

Homem afirma ser o dono de R$ 1,3 milhão encontrado em carro, diz PF


Após se apresentar espontaneamente, homem foi liberado pela polícia.
Veículo com cédulas de real e dólar foi localizado no aeroporto de Goiânia.

Do G1 GO, com informações da TV Anhanguera
1 comentário
Um homem se apresentou à Polícia Federal na sexta-feira (8) alegando ser o dono do R$ 1,3 milhão encontrado dentro de um carro, no Aeroporto Santa Genoveva, em Goiânia. Depois de prestar depoimento, ele foi liberado porque, segundo a polícia, se apresentou espontaneamente e o inquérito não foi aberto oficialmente. Sendo assim, não há como fazer o pedido de prisão preventiva. A PF ainda continua investigando o caso.
As imagens do momento em que o veículo entrou no estacionamento foram divulgadas pela polícia (veja vídeo acima). No vídeo é possível ver que o carro passa pela barreira de controle, mas não é possível identificar o rosto do motorista. A data de entrada registrada pela câmera é o dia 26 de fevereiro.
Em depoimento ao delegado federal Marcel de Oliveira, da Delegacia de Repressão a Crimes Contra o Patrimônio, o homem declarou que o dinheiro é fruto de agiotagem, operações em casas de câmbio, compra e venda de imóveis e carros. Ainda de acordo com a polícia, ele disse ainda que deixou o veículo no local porque estava sendo perseguido e acreditava que o aeroporto seria um lugar seguro.
Abandonado no estacionamento do local, o veículo, uma Fiat Strada, estava aberto, com chaves e documentos quando foi encontrado pela Polícia Militar na terça-feira (4), após uma denúncia anônima feita de um orelhão. Para o delegado, está claro que o dinheiro teria uma finalidade. “Ninguém iria esquecer uma quantia dessas em um veículo aberto. Por isso, ainda não descartamos nenhuma possibilidade”, destacou.
Após contar as notas, a PF informou ao G1 que dentro da bolsa havia US$ 507 mil dólares. Já em real, foi contabilizado R$ 95 mil. Conforme a conversão feita pela polícia, o dinheiro somado corresponde a R$ 1.364.000,00. O dinheiro segue apreendido na sede da PF e será depositado em uma conta judicial, até que as investigações sejam concluídas.
O aúdio da denúncia feita à PM foi solicitado pelo delegado. “Já ouvi extraoficialmente que esse áudio não foi gravado, por conta de uma falha técnica. Eu lamento, pois ele poderia nos dar mais pistas, mas sei que problemas acontecem”, afirmou Marcel.
Por meio de nota, a PM informou que não vai se pronunciar sobre o caso.
Dólares encontrados pela polícia em carro estacionado no aeroporto de Goiânia, Goiás (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)Dólares encontrados pela polícia em carro no
aeroporto (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)
Investigação
A polícia investiga sete pessoas suspeitas de ligação com o R$ 1,3 milhão. Uma delas é uma estudante, que já prestou depoimento. “Fomos até a casa dela que, inclusive, permitiu que fizéssemos uma busca e apreensão. Ela disse que só soube do caso pela imprensa”, relatou o delegado.
Segundo Marcel de Oliveira, a jovem foi identificada por meio de correspondências encontradas dentro do veículo. “Esses documentos também nos ajudaram a chegar até os outros seis nomes. Ainda não sabemos se todos os dados contidos neles são verídicos e continuamos investigando”, afirmou.
Também entre os investigados está uma mulher, que é apontada como sendo a proprietária do carro. “Os advogados se apresentaram e ela deve ser ouvida em breve. Aí ela terá que explicar porque seu carro estava no local e se sabe qual é a origem do dinheiro. Também ainda não está clara se há ligação entre ela e a estudante que já foi ouvida”, informou Marcel.
Marcel explicou que a primeira linha de investigação é a de que o dinheiro é fruto de explosões a caixas eletrônicos. “Algumas das notas têm manchas de tintas, mas a quantidade não é significativa. Além do mais, boa parte do dinheiro está em dólar e isso mostra que, se a hipótese for verdadeira, ele já foi trocado”, explicou.
Outras suspeitas da PF são de que as quantias sejam ligadas ao tráfico de drogas, crimes de evasão de divisas, pagamento de resgate e até crimes eleitorais. “Não temos nada de concreto ainda. As pessoas investigadas, a princípio, não têm ligações com políticos ou partidos”, disse o delegado.
tópicos:

Mulheres são flagradas com drogas na sacola do bebê em ônibus no PA

Peso na sacola do filho de 5 meses de uma delas alertou a PRF. 
As duas receberiam R$ 4 mil para levar a droga de Cuiabá (MT) a Belém.

Do G1 PA
2 comentários
Drogas BR-010 Pará (Foto: Divulgação/PRF)PRF apreendeu 10 pacotes com pasta base de cocaina. (Foto: Divulgação/PRF)
Duas mulheres, ambas de 22 anos, foram flagradas na madrugada deste sábado (8) transportando cerca 10 quilos de entorpecentes na BR-010, em Santa Maria do Pará. Elas viajavam com um bebê em um ônibus com destino a Belém. As duas, que são de Cuiabá (MT), foram autuadas por tráfico de drogas.
De acordo com o inspetor Isnard Ferreira, da Polícia Rodoviária Federal (PRF), a abordagem no ônibus ocorreu no início desta madrugada, por volta de 1h30. “Passamos a fiscalizar a área e os ônibus também. A gente se preocupa com a segurança dos passageiros, por causa dos assaltos”, explica o policial.
“Nos deparamos com aquela situação, duas moças trazendo um bebê de cinco meses. Mas elas não levantaram suspeita. Quando pegamos as sacolas delas desconfiamos do peso, pois era uma sacola pequena com um peso grande”, conta Isnard Ferreira. As drogas estavam dividias da seguinte forma: dois quilos na sacola de mamadeira e fraldas do bebê, cinco quilos estavam com a mãe da criança e três quilos com a outra mulher.
As jovens disseram aos policiais que vieram de Cuiabá e que foram convidadas por uma moça para trazer a droga para Belém. Cada uma receberia R$ 2 mil e passagens de ida e volta. O acordo era delas chegarem ao Terminal Rodoviário da capital paraense e voltar no próximo ônibus que saísse com destino a Cuiabá.
Após a Polícia Rodoviária Federal fazer os procedimentos, a dupla foi encaminhada para a Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE). “Elas vão ser autuadas por tráfico de drogas, estavam com 10 pacotes de pasta base de cocaína. Serão encaminhadas para o Centro de Recuperação Feminino, juntamente com a criança, que é filha de uma delas”, afirmou o delegado Emerson Jacob, titular da DRE.
De acordo com o delegado, as duas são “amigas de tráfico” e não teriam nenhum parentesco. Ainda segundo o delegado, é comum apreensão de drogas na BR-010, conhecida como a “rota do tráfico”.
De acordo com a Superintendência do Sistema Penitenciário do Pará, a unidade materno infantil é destinada às mães que têm filhos dentro da unidade. Neste caso, a criança deverá ser entregue para a família da presa.

BRT será inaugurado parcialmente neste sábado em Belo Horizonte

Às vésperas do início da operação, trabalhadores ainda fazem ajustes.
Três linhas começam a circular, partindo da Av. Cristiano Machado.

Do G1 MG, com informações do Bom Dia Minas
10 comentários
Trabalhadores instalavam painéis nesta sexta-feira (7) em estação do BRT. (Foto: Reprodução/ TV Globo)Trabalhadores instalavam painéis nesta sexta-feira (7) em
estação do BRT. (Foto: Reprodução/ TV Globo)
O Move, nome dado ao BRT (sigla para Transporte Rápido por Ônibus em inglês) vai começar a circular neste sábado (8), em Belo Horizonte.  Inicialmente, três linhas vão operar da Avenida Cristiano Machado, na Região Nordeste, até o Centro. Às vésperas da inauguração, trabalhadores da obra ainda cuidavam da limpeza e da instalação de painéis. Segundo o gerente de gestão operacional do BRT, Artur José, tratam-se de ajustes, e o início da operação não será afetado. 

“Está tudo pronto para começar, estamos nos retoques finais”, disse. Nesta primeira etapa, a expectativa é que sejam transportados 30 mil passageiros por dia. Segundo o gerente, isto representa 10% dos usuários do BRT da Cristiano Machado. A partir deste sábado (8), estarão em circulação 18 ônibus, das 5h à meia-noite.
 A linha 83P vai partir da Estação São Gabriel e tem paradas em pontos ao longo da Avenida Cristiano Machado. Esta seguirá até as estações das avenidas Paraná e Santos Dumont, no Centro. Já a linha 82 sai da Estação São Gabriel, tem paradas ao longo da Av. Cristiano Machado, passa pela região hospitalar e segue até a região da Savassi. A linha 83 tem trajeto direto da Estação Gabriel ao Centro.

“O sistema de pagamento é o mesmo que já ocorre hoje, isto é, no máximo, o passageiro vai pagar R$ 2,65. Ele vem do alimentador, paga R$ 1,90 e, se tiver o complemento para o BRT, ele paga mais R$ 0,75. A integração metrô funciona nos mesmo moldes de hoje, a tarifa do metrô e paga um complemento para dar R$ 2,65”, disse José.
A Empresa de Transportes e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans) informou que 330 monitores com informações vão estar à disposição dos usuários e haverá também veículos de reserva em caso de grande demanda.

A previsão é que em abril o BRT funcione durante 24 horas, de acordo com o gerente de gestão operacional do sistema. Já em maio, a expectativa é que a implantação esteja completa. “A etapa final está prevista para maio com em torno de 22 linhas de todas as estações que vão integrar o BRT e nós vamos ter um total de usuário na ordem de 700mil/dia”, disse José Artur.

Após uma hora de interdição, pista da Epia, no DF, é liberada

Acesso no sentido Plano foi fechado após carreta com biodiesel tombar.
Defesa Civil descartou risco de explosão; uma faixa ainda tem bloqueio.

Do G1 DF
21 comentários
Carreta que tombou na via Epia na manhã desta sexta (7) (Foto: Reprodução/TV Globo)Carreta que tombou na via Epia na manhã desta sexta (7) (Foto: Reprodução/TV Globo)
Depois de cerca de uma hora interditada, a pista da via Epia, no sentido Plano Piloto, foi liberada, segundo o Departamento de Estradas de Rodagem. O acesso ficou totalmente bloqueado depois que uma carreta transportando biodiesel tombou na altura do acesso ao Aeroporto Juscelino Kubitschek, em Brasília, na manhã desta sexta-feira (7).
A interdição na pista teve início pouco antes das 7h. Depois que os bombeiros constataram o vazamento do combustível na vala do canteiro onde o veículo caiu, a via foi totalmente bloqueada no sentido Plano Piloto.

Uma das três faixas da pista ainda permanece fechada. O veículo ainda não havia sido retirado do local até as 10h. Segundo a Defesa Civil, o risco de explosão foi descartado, por isso a pista foi liberada.

O acidente aconteceu no sentido Luziânia, mas provocou retenção no trânsito também no sentido Plano Piloto desde antes das 7h. Um desvio foi feito no balão do Periquito, no Gama.

O Corpo de Bombeiros informou que uma contenção foi instalada nas proximidades do local, para evitar que o produto chegasse até a galeria de águas pluviais.

O motorista foi levado para o hospital com ferimentos leves, segundo o Corpo de Bombeiros. Não há informações sobre as causas do acidente.

'Já paguei a multa', diz Paes após aparecer em vídeo atirando lixo

Autor do vídeo diz que as imagens foram gravadas no dia 15 de fevereiro.
Em entrevista ao RJTV, prefeito do Rio pediu desculpas a população.

Do G1 Rio
65 comentários
O prefeito Eduardo Paes afirmou em entrevista ao RJTV deste sábado (8) que já pagou a multa de R$ 157 que recebeu da Comlurb após aparecer em um vídeo jogando lixo para o lado durante uma entrevista. Na imagem, não é possível dizer onde caiu a fruta que ele estaria comendo. "Pedi que a Comlurb me multasse, já recebi a multa e já paguei R$ 157. Qualquer cidadão dessa cidade que jogar lixo no chão vai ser multado, inclusive o prefeito", declarou.
O prefeito também pediu desculpas por um eventual equívoco. "Na dúvida, como o vídeo não deixa claro, é isso. Nem o prefeito nem ninguém pode jogar lixo no chão. Eu não jogo lixo no chão, primeiro por educação porque eu aprendi em casa e segundo porque eu sou o prefeito e tenho que ser o exemplo. Então na dúvida, eu peço desculpas", concluiu.
O autor do vídeo disse que as imagens foram gravadas no dia 15 de fevereiro, em um encontro político realizado em Sepetiba, na Zona Oeste da cidade.
O vídeo foi postado na internet por Alex Castellar. No blog do ex-governador do Rio Anthony Garotinho, Castellar é identificado como chefe de gabinete da deputada Clarissa Garotinho, filha do ex-governador.
Vídeo mostra prefeito do Rio atirando lixo durante entrevista na rua (Foto: Reprodução/TV Globo)Vídeo mostra prefeito do Rio atirando lixo durante entrevista na rua
(Foto: Reprodução/TV Globo)
Em nota, a assessoria da Prefeitura informou na quinta-feira (6) que o prefeito não joga lixo no chão e que esse é um hábito que vem sendo combatido durante sua gestão.
A assessoria acrescentou ainda que o prefeito não se lembra de detalhes do episódio e que o vídeo não mostra Paes jogando no chão um pedaço de fruta, mas indica que ele tenha lançado o resto de fruta na direção de uma lixeira mais afastada, ou para que um de seus assessores fizesse o descarte em local adequado.

Manifestantes se reúnem na Avenida Paulista neste sábado

PM diz que ato em SP celebra o Dia Internacional da Mulher. 
CET recomenda que motorista evite via por causa do protesto.

Do G1 São Paulo
5 comentários
Ato Dia Internacional da Mulher em SP (Foto: Paula Paiva/G1)Ato pelo Dia Internacional da Mulher na Avenida Paulista, em São Paulo (Foto: Paula Paiva/G1)
Uma manifestação para lembrar o Dia Internacional da Mulher ocorria por volta das 11h30 deste sábado (8) na altura do Museu de Arte de São Paulo (Masp), na Avenida Paulista. A Polícia Militar diz que cerca de 60 pessoas se reuniam no horário em frente ao museu.
As mulheres pedem o fim da violência. Em ritmo de carnaval, elas fizeram um panelaço e, nos cartazes, colocaram pedidos de igualdade de direitos.
A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) recomenda que o motorista evite circular na região. Os manifestantes ocupavam, no fim da manhã, a faixa exclusiva para o ônibus, à direita da via, no sentido Consolação. A recomendação é que os motoristas procurem caminhos alternativos.
tópicos:

Em vídeo, conheça carro de 1.341 cavalos que custa R$ 6,6 milhões

Supermáquina da sueca Koenigsegg é atração no Salão de Genebra.
Modelo conta com peças feitas com impressora 3D e terá só 6 unidades.

Cecília MinnerEspecial para o G1, em Genebra (Suíça)
258 comentários
Um carro de 1.341 cavalos, da marca sueca Koenigsegg, é uma das principais atrações do Salão de Genebra, que abriu para o público na última quinta-feira (6). Ele é chamado de Agera 1:1 porque o número de cavalos é igual ao seu peso, conferindo a proporção 1 para 1.
koenigsegg (Foto: Cecília Minner/G1)Detalhe do escapamento foi obtido com
impressora 3D (Foto: Cecília Minner/G1)
Outros números justificam tanto alarde: o modelo, que comemora o aniversário da fabricante, custará US$ 2,85 milhões (o equivalente a R$ 6,62 milhões na cotação de quinta). Apenas seis unidades serão produzidas e, diz a marca, todas já estão vendidas.
Representantes da marca no evento suíço informam ao G1 que o carro pode chegar aos 450 km/h. Isso porque, segundo a fabricante, a velocidade máxima "não foi uma prioridade". Mas a Koenigsegg quer que ele seja reconhecido como o carro de produção mais rápido do mundo.
Além de ser uma supermáquina, o modelo é high-tech: pode enviar informações de telemetria (dados de performance e consumo, por exemplo) direto ao iPhone do motorista e tem partes feitas com impressora 3D, como o escapamento e o exterior do turbo, para reduzir o peso.
Em seus 20 anos, comemorados em Genebra, a marca soma cinco modelos, todos com recordes no Guinness, destaca.
Koenigsegg Agera One:1 (Foto: Arnd Wiegmann / Reuters)Koenigsegg Agera One:1 (Foto: Arnd Wiegmann / Reuters)
Koenigsegg Agera One:1 (Foto: Arnd Wiegmann / Reuters)Koenigsegg Agera One:1 (Foto: Arnd Wiegmann / Reuters)
VEJA FOTOS DO SALÃO DE GENEBRA 2014:

  •